RESENHA - Presságio - O assassinato da freira nua de Leonardo Barros




 SINOPSE: Alice tem vinte e seis anos e, desde a adolescência, é atormentada por presságios. Desacreditada por psiquiatras, ela é considerada psicótica, até que uma de suas visões a possibilita desvendar um misterioso homicídio. A polícia atribui a autoria do crime ao Beato Judas, um assassino serial de freiras, mas a descrição do suspeito não se parece em nada com o homem que ela viu em sua premonição.
Agora Alice terá de correr contra o tempo para provar que não é louca e para evitar que o assassino faça uma nova vítima.
Suspense, misticismo e sensualidade se misturam neste fantástico thriller policial que parece ter a capacidade sobrenatural de manter seus leitores alucinados da primeira à última página!


Natalia: Foi a primeira vez que li um livro com esse gênero e gostei muito. Esse livro é uma mistura de suspense e mistério. Quando começa ler a história, ela te leva para um caminho, aos poucos com os presságios de Alice você vai entendendo a trama, fica ansioso para descobrir quem é o culpado e se surpreende com as descobertas, porque não era nada que imaginou. Ele te prende até o fim. É um mundo de crimes e investigações que intriga e instiga, com descrição rica dos acontecimentos. São 224 páginas ricas de mistério, suspense e ansiedade.

Vale a pena. Recomendo.

Beijos.

You Might Also Like

0 comentários